Linked: o poder das redes

LINKED

Uma leitura que desafia o intelecto é o livro Linked: how everything is connected to everything else and what it means for business, science and everyday life, escrito pelo matemático húngaro Albert-László Barabási, Plume Printing, 2003. Na mesma linha do livro Emergência que comentei recentemente aqui no blog, esse livro analisa sob uma ótica científica a questão das redes, como o próprio nome diz. O autor é um matemático considerado especialista na denominada ciência das redes, discípulo de outro famoso matemático húngaro, Paul Erdös, que também se dedicou ao estudo das redes e seus impactos na sociedade. O livro discute vários resultados interessantes relacionados às redes e seu crescimento (bottom-up), e mostra como parte dos experimentos para confirmação dos resultados foram montados e fala das técnicas utilizadas nas análises. Tudo isso em uma linguagem fácil de entender, o livro é dedicado à divulgação do tema para leitores não-especializados.

Um resultado interessante, assunto de teses de doutorado ao redor do mundo e já popularizado, é o que se refere aos “seis graus de separação” entre pontos de uma rede. Considerando uma rede social, que tem crescimento aleatório e os nodos são constituidos por clusters de relações agregadas em torno de um elemento denominado conector ou hub, a distância média que separa duas pessoas fica em torno de seis. A pergunta que serve como exemplo é: se eu precisar de falar com o presidente do Brasil, quantos conectores da rede social em que eu estou inserido eu tenho que contactar para conseguir meu objetivo? Façam o teste vocês mesmos, vão se surpreender com os resultados. O primeiro experimento que deu origem a esse resultado foi construído em torno da rede social (científica) de que Paul Erdös era o conector ou hub inicial. Considerando os artigos científicos, teses e dissertações orientadas por ele, por seus discipulos, pelos discipulos de seus discipulos, forma-se a rede de influência de Paul Erdös, e as distâncias entre quaisquer autores ou co-autores relativas ao conector principal puderam ser medidas, dando origem ao denominado número (distância) de Erdös.

O mais interessante e perturbador desses resultados é que eles se aplicam a qualquer rede, sendo utilizados como um modelo de crescimento das redes independentemente de sua natureza. Essa constatação científica permitiu o enorme avanço do estudo das redes, e o modelo encontra aplicações inimagináveis, o que inclui a rede internet, permitindo a otimização de fluxo de dados, localização de roteadores, etc. Com base nas propriedades do modelo, é possivel provar e explicar porque a internet é capaz de sobreviver intacta mesmo que alguns de seus hubs (servidores) principais sejam eliminados por algum motivo. Visitem o site do MusicMap, para verem resultados desse tipo em ação, originado de um dos experimentos sobre redes discutidos no livro.

Anúncios

Consultor Independente, Treinamento Empresarial, Gerência de Projetos, Engenharia de Requisitos de Software, Inovação. Professor Titular Aposentado, Departamento de Informática, Universidade Federal de Viçosa, Minas Gerais, Brasil. Doutor em Informática, PUC-Rio, 1990. Pós-Doutoramento, University of Florida, 1998-1999

Marcado com:
Publicado em Livros
6 comentários em “Linked: o poder das redes
  1. smarzaro disse:

    Zé, você se adiantou….estou terminando de ler este livro e já ia soltar uma notinha para ele em meu blog também…:-) O livro é muito bom…

  2. Pois é, já tinha lido esse livro desde o ano passado. Junto com a leitura do Emergência, muda muito a visão de mundo. E tenho outros na fila para ler e comentar, e alguns ja lidos, aguarde…

  3. caros leitores

    estaremos lançando a versão em português neste mês de maio.

    contamos com sua intercnectivudade para ajudar na divulgação do livro

    obrigado

    César
    depto comercial
    Editora Leopardo

  4. Marina disse:

    a versão brasileira do livro Linked será lançada nesta quinta-feira, 4/6, a partir das 19 horas na livraria da vila – lorena, SP. E contará com apresentação do Dr. Borgatti, autor do prefácio. Estão todos convidados! Mais informações marina.gil@giornate.com.br ou http://www.leopardoeditora.com.br

  5. railerr disse:

    li o livro e gostei muito também!

  6. Cristiano Dini disse:

    Estou tentando compra-lo para ler, ele está esgotado na editora, gostei muito do que já li sobre ele, obrigado pela dica Zé, abraço!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: