OScar: OpenSource Car

Não é que as idéias de cooperação, que são a base do movimento opensource, vão aos poucos sendo mais bem entendidas por outros grupos fora da área de computação e sendo adotados em outros tipos de projetos? Recentemente, topei com o projeto OSCar – OpensourceCar que, numa primeira olhada, pareceu uma idéia muito maluca. Mas, lendo com calma e entendendo melhor, hoje já me parece uma excelente idéia que vai acabar se expandindo para outras áreas, com implicações interessantissimas para o nosso mundo plano e sem fronteiras.

A idéia, como não poderia deixar de ser, é o desenvolvimento do projeto de um carro de acordo com os princípios do movimento Open Source. O que se deseja é chegar a um conceito que pode até ter alguma semelhança com o que chamamos de carro nos dias de hoje. Os requisitos principais para esse novo conceito são simplicidade e funcionalidade que favoreçam a mobilidade das pessoas. E a máxima de que forma é consequência da função continua valendo.

OSCar deixa de ser apenas a idéia de um carro, mas sim o desenvolvimento de novas formas de obter mobilidade e a divulgação das idéias do movimento opensource fora da área de computação. O sítio do projeto tem muitas informações interessantes, comunidade participante, etc. O projeto foi iniciado em 1999, e em dezembro de 2005 foi liberada a versão 0.2 da especificação.

Quais as implicações que esse tipo de projeto pode ter para a humanidade e para o mundo plano? Como já discuti no artigo sobre O mundo é plano (16/05/2007), uma parte do modelo social que vai prevalecer no futuro é o de cooperação e de conexões, liderança, em oposição aos modelos de hierarquia e comando da era industrial. A economia baseada em ganhos excessivos de capital, como por exemplo se verifica na indústria farmacêutica onde chega a ser de sete para um (sete dólares ganhos para cada dólar investido!), na fonográfica ou na automobilistica para citar apenas algumas, tende a ter um espaço cada vez menor. Qual o sentido de pagarmos valores elevados por medicamentos que salvam vidas, como por exemplo os que são usados na cura da AIDS? Seria mais razoável que as pesquisas fossem desenvolvidas segundo um modelo opensource e as patentes consideradas de domínio público segundo uma licença similar à GPL?

Essas discussões estão em alta, e seus desdobramentos terão impacto sobre a humanidade e a sociedade no futuro próximo. Estamos talvez presenciando uma quebra de paradigma social e econômico, evoluindo para um modelo mais apropriado para um mundo conectado e plano, onde certamente não há muito espaço para o lucro excessivo e as idéias de ganhar muito dinheiro em tudo o que se faz. Para pensar, e muito… (aguardem, volto ao assunto opensource em breve)

Anúncios

Consultor Independente, Treinamento Empresarial, Gerência de Projetos, Engenharia de Requisitos de Software, Inovação. Professor Titular Aposentado, Departamento de Informática, Universidade Federal de Viçosa, Minas Gerais, Brasil. Doutor em Informática, PUC-Rio, 1990. Pós-Doutoramento, University of Florida, 1998-1999

Publicado em Educação, Tecnologia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: