Desafio do ZéBraga

Estou sempre à procura de formas inovadoras de aumentar o interesse de meus alunos pelas minhas disciplinas. Esse é um enorme desafio, principalmente quando a turma é de formandos, cursando o último período e a última disciplina do curriculo da Computação: Sistemas de Informação, oferecida canônicamente por mim. A partir de um certo momento do semestre, a cabeça dos alunos está em outras paragens: inscrição para os mestrados, seleção para empregos, casamento, noivado, certificações, um monte de dúvidas, horas e mais horas de conversa comigo e com outros professores.

Para aumentar o interesse da turma pelos temas próprios da área de Sistemas de Informação e de Sistemas de Apoio à Decisão, resolvi tentar uma experiência diferente a partir de 2006. Com base na análise SWOT (Strenghts, Weaknesses, Opportunities, Threats) ou em portugues FOFA (Forças, Oportunidades, Fraquezas, Ameaças) propus à turma o Desafio do ZéBraga, nome que é uma brincadeira com o Desafio do SEBRAE. Por falar no Desafio do SEBRAE, ele foi vencido na etapa estadual por equipes formadas por alunos do nosso curso de Ciência da Computação da UFV, durante dois anos consecutivos (2006 e 2007), vejam nota aqui DPI-Sebrae2007.

Os alunos têm que se organizar em empresas de no máximo quatro participantes, e localizar um nicho competitivo na área de sistemas de informação, onde eles se sintam a vontade para abrir uma nova empresa competidora. Uma vez localizadas e definidas inicialmente as empresas e os nichos de atuação de cada uma, em aulas subsequentes as equipes desenvolvem a análise SWOT para sua empresa. Uma letra por sessão (S em um dia, W em outro, ….) apresentadas ao vivo em sala de aula por cada equipe, discutidas e criticadas pelos demais grupos e por mim. Aproveito todas as oportunidades que surgem durante as apresentações para discutir temas ligados a negócios e empreendedorismo. No final, cada equipe apresenta o SWOT completo, com todas as modificações surgidas pelo amadurecimento dos alunos no desenrolar da disciplina.

Para fechar o trabalho, os grupos ou empresas me enviam um relatório final com toda a análise (não tão completo quanto um PN – Plano de Negócios), contendo análise do setor e do nicho de atuação escolhido, tabelas, gráficos, números principais da área, principais competidores, principais catalizadores, ameaças, etc. Durante o curso, uma palestra proferida pelo representante local do SEBRAE é feita, para despertar o interesse dos alunos para a criação de empresas.

O resultado… é fantástico, tanto que repeti a dose no ano de 2007 de maneira mais refinada. O interesse e atenção dos alunos pelos temas próprios da disciplina aumentou muito como efeito direto das leituras e da busca de informação para conhecimento do setor onde cada empresa se insere, o que sempre é meu objetivo principal. Recomendo aos colegas professores tentarem a experiência, funciona em qualquer disciplina da parte profissionalizante.

Anúncios

Consultor Independente, Treinamento Empresarial, Gerência de Projetos, Engenharia de Requisitos de Software, Inovação. Professor Titular Aposentado, Departamento de Informática, Universidade Federal de Viçosa, Minas Gerais, Brasil. Doutor em Informática, PUC-Rio, 1990. Pós-Doutoramento, University of Florida, 1998-1999

Publicado em Educação, Empreendedorismo
Um comentário em “Desafio do ZéBraga
  1. Viva o Desafio Zé Braga !
    Eu posso confirmar que foi mt válida a experiência, podemos dizer, que este conhecimento é extremamente prático, e pode ser aplicável a várias coisas em nossa vida.
    A análise SWOT não funciona só para empresas. Voce pode aplicar em planos e projetos pessoais também.

    Valeu Zé !
    🙂

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: