Nobel de Medicina 2010

O prêmio Nobel de Medicina 2010 foi para o pesquisador Robert Edwards, por suas pesquisas, realizações e divulgação da fecundação in vitro, mais conhecido como “bebê de proveta”. Suas pesquisas nessa área, em parceria com o cirurgião ginecológico Patrick Steptoe (morreu em 1988), foram iniciadas em 1950 e em 25 de julho de 1978 nasceu o primeiro bebê de proveta no mundo, Louise Brown.

download Inúmeros são os casos de mulheres com problemas de fertilidade, que puderam ser mães pela aplicação das técnicas de fertilização in vitro. Socialmente falando, o impacto dos resultados é imenso e seus efeitos intangiveis, impossivel medir e comparar (e nem interessa fazer isso). O fato é que a sociedade fica sempre com um pé atrás com esses avanços da ciência, uma curva de aceitação muito profunda, são necessárias várias gerações até que novas mentes, educadas conhecendo o conceito de fertilização in vitro e capazes de quebrar a barreira dos preconceitos, passem a reconhece-las como solução para problemas de saúde pública.

Mas, mesmo assim com os inegáveis e visíveis benefícios, os argumentos contrários a esse tipo de pesquisa e seus usos sociais continuam pipocando aqui e ali. Principalmente os argumentos de cunho religioso, como se vê atualmente na discussão sobre a questão do aborto que está polarizando o cenário politico nesse segundo turno das eleições presidenciais. Da mesma forma que aconteceu e ainda acontece com a questão das pesquisas com células tronco, os transgênicos e muitos outros que ainda estão vindo por ai. A relação entre avanços científicos e tecnológicos e sua adoção pela sociedade sempre foi e sempre será complexa.

No meu entendimento, esse prêmio Nobel é mais que merecido, e esse reconhecimento veio até tarde demais.

(este artigo foi escrito por zeluisbraga, e postado no meu blog zeluisbraga . wordpress . com) (this post is authored by zeluisbraga, published on zeluisbraga . wordpress . com)

Anúncios

Consultor Independente, Treinamento Empresarial, Gerência de Projetos, Engenharia de Requisitos de Software, Inovação. Professor Titular Aposentado, Departamento de Informática, Universidade Federal de Viçosa, Minas Gerais, Brasil. Doutor em Informática, PUC-Rio, 1990. Pós-Doutoramento, University of Florida, 1998-1999

Marcado com: , ,
Publicado em Inovação, Saúde, Social
2 comentários em “Nobel de Medicina 2010
  1. railer disse:

    também gostei do prêmio.

    lendo seu texto não pude deixar de me lembrar (eu, cinéfilo) do filme ‘contato’, com a jodie foster, baseado no excelente livro do carl sagan, que fala justamente da questão religião X ciência. recomendo ler e ver!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: