Rápido e devagar: duas formas de pensar

Sem mais cerimônias, vou adotar o nome do próprio livro como título desta postagem. O autor é Daniel Kahneman, livro publicado em 2011. Desde pouco tempo depois que foi lançado, o livro me chamou atenção e entrou para a minha lista de leituras obrigatórias. Cheguei a comprá-lo em uma das nossas viagens, na versão original. Mas, pasmem, o livro não coube na bagagem de volta, e tive que deixá-lo por lá, sem ter sido aberto (fiz uma doação do livro). Enfim, ganhei o livro de presente de aniversário em 2021, e chegou a vez dele, finalmente. Terminei de ler ontem, 15 de fevereiro, quase dois meses lendo com calma (li outros livros no mesmo período). Compartilho minhas impressões sobre o livro a seguir. Longe de ser uma resenha, são apenas opiniões sobre um livro que merece ser lido.

Enxerguei dois livros entremeados, um cruzando com o outro o tempo todo. Um fala sobre a carreira de pesquisador e professor do autor, e de sua parceria acadêmica com Amos Tversky, parceiro de longos anos. A vida acadêmica, o foco em problemas reais, o desenvolvimento de pesquisas para explicação de fenômenos observados no mundo real, pedindo explicação. É um foco movido pelos problemas, pelo mundo real. Os financiamentos, os desdobramentos, os novos problemas derivados dos iniciais, que foram gerando novas pesquisas, novos financiamentos, novas orientações, nova rede de contatos, e assim sucessivamente. Achei esta parte fascinante, uma história de vida. Mas, não se enganem, isso não está separado em um capítulo pronto para leitura. Ao contrário, está espalhado ao longo do livro, em parágrafos escondidos no texto e nos capítulos. Tem que ler o livro todo para saborear bem esta parte!

A outra parte, que constitui o livro propriamente dito, é a descrição dos dois sistemas que são o foco do livro: o Sistema 1, responsável pelas nossas operações automáticas e reação imediata aos problemas; e o Sistema 2, responsável pelas operações controladas, racionais, fiscal das decisões do Sistema 1. O livro é focado nas operações dos dois sistemas em vários tipos de problemas e de decisões que tomamos corriqueiramente. Mais importante, mostra claramente nossas distorções decisórias, por não analisarmos adequadamente as premissas que levam às decisões. Impressionante como tomamos decisões por impulso, levados por um ou outro atributo que aparece mais que os demais, que nos levam a resultados indesejados ou injustos. O mundo real está cheio disto, e temos o viés de confiar demais no nosso instinto, ao invés de procurar entender melhor, fundamentar melhor, as hipóteses ou premissas de nossas decisões. Para então termos uma decisão mais bem embasada, menos viciada. Incrível como fazemos isso o tempo todo.

Não vou me alongar, não seria capaz de acrescentar nada ao muito que já foi falado e escrito sobre este livro. Considero uma leitura indispensável para todos que querem entender e sobreviver melhor no nosso mundo, cheio de premissas falsas que ficam com cara de verdadeiras pelo trânsito nas redes sociais. Um perigo imenso, que pode nos levar a decisões completamente erradas. Temos que saber nos defender, e este livro é um enorme primeiro passo.

Recomendo demais, boa leitura e bom proveito.

(este artigo foi escrito por zeluisbraga, e postado no meu blog zeluisbraga . wordpress . com) (this post is authored by zeluisbraga, published on zeluisbraga . wordpress . com) (from Viçosa, MG(Estou no GoodReads)

Consultor Independente, Treinamento Empresarial, Gerência de Projetos, Engenharia de Requisitos de Software, Inovação. Professor Titular Aposentado, Departamento de Informática, Universidade Federal de Viçosa, Minas Gerais, Brasil. Doutor em Informática, PUC-Rio, 1990. Pós-Doutoramento, University of Florida, 1998-1999

Marcado com: , ,
Publicado em Dicas, Livros

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: